quarta-feira, fevereiro 23, 2011

Vaso quebrado!


Eu tenho poucas amizades. Mas estes amigos são realmente importantes pra mim. A quantidade realmente não é importante e sim a qualidade. Sou amiga dos meus amigos. Brigo por eles, coloco minha mão no fogo e estou sempre a disposição para o que der e vier. Confio neles. Realmente me importo com eles.

Mas esse mês percebi que sou ingênua. Alguém que acreditei ser "amiga" traiu minha confiança, minha amizade. Foi como um vaso quebrando. Ela tentou se defender, diz que precisamos conversar, que ela quer se explicar... Mas ela sabe, assim como eu sei, que o vaso depois de quebrado não tem conserto. Mesmo a melhor cola do mundo é incapaz de esconder as ranhuras, as cicatrizes.

E pior que isso, não sei perdoar. Sim, eu sei que é um defeito, mas não sou hipócrita. Eu não esqueço, eu não perdoô. Eu não consigo fingir que não existe mágoa no meu coração.

5 comentários:

  1. Quem nunca teve a infelicidade de ser traída por uma amiga, né? Com o tempo a gente vai aprendendo a ser mais reservada e dar apenas ao outro o que ele merece receber...Mais que isso é subestimar-se. Gostei muito daqui e voltarei sempre.
    Que tal conhecer o Boatos e Afins e Participar de um super sorteio cultural que está rolando?

    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Flavinha...sei bem como é isso! Mas sou como vc...te conhecer foi uma das melhores coisas que já me aconteceu...agradeço a Deus por ter vc e Fabi viu:??

    Bjsssssssssssss

    ResponderExcluir
  3. Nem posso te ajudar,pq tb sou assim:não sei perdoar!Ainda mais qd é alguém em quem confiava a minha vida,a minha amizade...
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. Acho que todo mundo passa por isso, sabia ? Na verdade, cultivamos falsas amigas achando que são amigas de verdade.

    Elas acabam nos conhecendo completamente e ai usam o que sabem de nós, contra nós.É uma pena que porque a gente para de confiar nas pessoas. Mas é a vida, fazer o quê?

    Eu também não perdoo. Até porque, se me fez, vai fazer de novo na próxima oportunidade.

    Um abraço forte !

    ResponderExcluir